Meu primeiro negocinho

Se você conseguiu poupar uma graninha, e quer investi-la criando um negócio para treinar seus instintos de micro-micro-micro empresário, aí vai uma dica que pode dar certo: horta em casa.

Você pode ter uma horta mesmo morando em apartamento. Nesse caso o importante é escolher hortaliças com raízes não muito profundas e adequadas a espaços reduzidos, como alecrim, manjericão, salsa, cebolinha, coentro, hortelã e tomilho. O ideal é adquirir as mudas, para você não ter o trabalho de plantar as sementes em lugar apropriado, esperar que germinem e transplantá-las. Faça uma boa pesquisa de preços e compre vasos ou jardineiras de cerâmica, cimento ou terracota, com 20 ou 30 cm de profundidade. Forre o fundo com uma camada de 3 cm de pedregulhos e complete com terra rica em composto orgânico, como húmus de minhoca. Prefira locais bem iluminados, que recebam sol pelo menos em um período do dia, como as sacadas, e regue as plantas em dias alternados. Para evitar doenças e o aparecimento de ervas daninhas, limpe os vasos periodicamente. Não use produtos químicos.

Faça propaganda de seu negócio entre os amigos de seus pais, vizinhos e até com os seus professores. Calcule um preço que lhe garanta algum lucro, mas cuidado para não ser guloso demais. Caso contrário você pode acabar perdendo seus fregueses. No mais é ter persistência, bom humor e juízo na condução de seu “Primeiro Negocinho”.


A Isabela Leal Gomes escreveu contando a história do primeiro negocinho dela. Veja se essa não é uma garota superpoderosa:
Eu tenho 11 anos e já tive um "negocinho". Comecei a vender jóias como a minha mãe, vendia para amigas, professoras, parentes,etc.Comecei com 8 anos e faz 3 anos que já faço isso. No começo fiquei muito animada,fui gentil e simpática com as clientes(dava descontos,fazia trocas,etc)Sou assim até hoje!O segredo para tudo dar certo é saber conquistar as pessoas fazendo com que elas se tornem clientes fixas, isso já será um ganho garantido, tente ser o mais simpatico possível e para agradar o cliente faça o que estiver ao seu alcance, e nunca tenha vergonha de oferecer o seu produto!Apesar de gostar muito de vender eu pretendo ser escritora quando crescer, já escrevi 2 livros mas não tenho o dinheiro necessário para pública-los, espero conseguir o dinheiro quem sabe através da jóia!se você pensa em montar um negocinho como eu, lhe desejo boa sorte!


Se você tem ou já teve algum “Negocinho” conte para todo mundo sua experiência. Mande sua história, mencionando sua idade e cidade onde mora, que a gente, com o maior prazer, publica aqui.